• Novo

10 grs Sceletium tortuosum (Kanna, Kaugoed)

R$18,90

A Kanna é uma planta do tipo suculenta, bastante rara e ilustre da família Mesembryanthemaceae, que ocorre em zonas semi-desérticas da África do Sul. 

Quantidade

Última vez que este produto foi adicionado a um carrinho: 17-04-2018

 

10 grs   Sceletium tortuosum (Kanna, Kaugoed)

origem: Africa do sul

*

 

Nome botânico: Sceletium tortuosum (Syn. Mesembryanthemum tortuosum)
Nomes comuns: Kanna, Kougoed, Channa.


A Kanna é uma planta do tipo suculenta, bastante rara e ilustre da família Mesembryanthemaceae, que ocorre em zonas semi-desérticas da África do Sul. Os registros mais antigos datam seu uso de 1662, porém seu uso data de períodos pré-históricos na África do Sul. Tendo sido descrita como um potencializador do humor e do bem estar, o material resultante da fermentação das partes da planta recebe o nome de Kanna ou Kaugoed.
 
Ela potencializa o humor, reduz a ansiedade, estresse e tensão, possui elevadas propriedades anti-depressivas atuando como um ISRS (Inibidor Seletivo da Recaptação de Serotonina) e tem sido empregado com sucesso no trato de dependentes químicos (especialmente relacionados com a nicotina) e como remediador da crise de abstinência alcoólica (ressaca). A Kanna ainda aumenta o interesse/resposta sexual e a empatia interpessoal, tendo sido aplicado com sucesso também em terapias de casais.
 

Aviso

 O sceletium tortuosum é um inibidor selectivo da recaptação da serotonina [ISRS]. Não deve ser misturado com inibidores da monoamina oxidase (inibidores da MAO), tais como arrua siriana (peganum harmala), banisteriopsis caapi, passiflora (passiflora incarnata), ayahuasca,  ioimba, e certos antidepressivos.


Em doses elevadas a Kanna pode causar euforia, contudo sem a característica depressão subseqüente causada por drogas euforiantes. Não causa dependência física ou psicológica, não apresentando nenhum sintoma característico mesmo após longos períodos de uso. A planta não é alucinógena como afirmam certas fontes, ao invés disso ela possui a habilidade única de proporcionar um balanceamento e equilíbrio emocional acompanhado de estimulação do humor e relaxamento geral.
 
Assim a Kanna tem sido recomendada nos tratamentos de:
 
- Mal humor, incluindo a “síndrome do trigo cinza”
- Ansiedade e fobia social
- Tensão pré-menstrual
- Irritabilidade da menopausa
- Problemas da libido (tanto para o homem quanto para a mulher), quando de causas psicológicas (stress etc)
- Desordens de estresse pós-trauma (desde acidentes até surtos de estresse)
 
Este produto é 100% natural e não apresenta efeitos adversos na maioria dos casos, quando em altas doses pode causar alguns efeitos adversos mínimos como leve dor de cabeça e náusea, insônia, irritabilidade na primeira hora após o uso e sensação de sedação corporal leve. Estes sintomas devem desaparecer rapidamente se ocorrerem. Caso não desapareçam, seu uso deve ser descontinuado.
 
Por atuar como ISRS este produto não deve ser utilizado simultaneamente com outros ISRSs, IMAOs, ou produtos de efeitos psicotrópicos ou cardíacos, sob risco de crise hipertensiva entre outras complicações. Em caso de mistura acidental um médico deverá ser consultado imediatamente. Não há estudos sobre o uso deste material durante a gravidez, assim durante esta fase seu uso deve ser evitado, exceto se recomendado por um médico.
 
Os principais constituintes do Sceletium são alcalóides, entre eles: mesembrina, mesembrenona, mesembrenol E tortuosamina (mesembrine, mesembrenone, mesembrenol & tortuosamine). Pessoas com alérgicas a estas substências também devem evitar seu uso.
 
Formas de Uso:

A dose terapêutica recomendada é de 50mg a 100mg (0,05g a 0,1g) por dia, preferencialmente tomada à noite.
Há notícias de usos diferentes da ingestão, como insuflação, absorção sub-lingual e mesmo fumando-se o material, sendo que destas duas últimas formas a dose necessita ser maior.
Os efeitos aparecem em poucos minutos após o uso, contudo resultados mais consistentes na qualidade emocional são obtidos após uma a duas semanas de tratamento.

77 Itens